Inscreva-se


Engenharia de Produção

Aprender para criar, inovar e vencer. Este é o atributo do profissional inovador de Engenharia.

 

  • O curso oferece disciplinas com enfoque nos conteúdos de exatas;
  • Aproxima os futuros profissionais das tendências práticas de produção, automação industrial e de sistemas modernos para que o aluno amplie sua visão sobre as novas tecnologias;
  • Acervo bibliográfico com títulos e periódicos atualizados;
  • Visitas técnicas que complementam a formação do engenheiro de produção e o coloca em contato direto com o mercado profissional, logo no início do curso;
  • Corpo docente especializado formado por mestres e doutores com experiência profissional e acadêmica.

Perfil do Curso

Com mercado de trabalho aquecido, devido a diversas obras de infraestrutura no Brasil, os cursos de engenharia estão com uma forte demanda de profissionais. O curso de Engenharia de Produção da UNAERP possibilita aos alunos uma sólida formação científica e profissional que os capacita a identificar, formular e solucionar problemas ligados ao desenvolvimento de projetos, atividades de operação e gerenciamento do trabalho e de sistemas de produção de bens e/ou serviços.

Matriz curricular

Disciplina

Administração Financeira

67 HORAS

Análise de Mercado

33 HORAS

Análise de Projetos de Investimentos

67 HORAS

Atividades Complementares I

67 HORAS

Atividades Complementares II

67 HORAS









Disciplina

Administração Financeira

67 HORAS

Análise de Mercado

33 HORAS

Análise de Projetos de Investimentos

67 HORAS

Atividades Complementares I

67 HORAS

Atividades Complementares II

67 HORAS

Automação Industrial

33 HORAS

Contabilidade de Custos Industriais

67 HORAS

Cálculo I

67 HORAS

Cálculo II

67 HORAS

Cálculo III

67 HORAS

Cálculo IV

33 HORAS

Desenho Técnico I

33 HORAS

Desenho Técnico II (AUTOCAD)

67 HORAS

Ecologia e Sustentabilidade Ambiental

67 HORAS

Economia

33 HORAS

Eletricidade e Eletrônica

33 HORAS

Empreendedorismo

33 HORAS

Engenharias de Materiais

33 HORAS

Ergonomia e Conforto no Trabalho

33 HORAS

Estatística Aplicada à Engenharia de Produção

33 HORAS

Estatística I

33 HORAS

Estatística II

33 HORAS

Estágio Supervisionado I

150 HORAS

Estágio Supervisionado II

150 HORAS

Fenômenos de Transportes

67 HORAS

Física I

67 HORAS

Física II

67 HORAS

Física III

67 HORAS

Geometria Analítica e Cálculo Vetorial

67 HORAS

Gerenciamento de Projetos

67 HORAS

Gestão Ambiental

33 HORAS

Gestão da Qualidade I

67 HORAS

Gestão da Qualidade II

67 HORAS

Gestão de Cadeia de Suprimento

33 HORAS

Gestão de Custos

33 HORAS

Gestão de Estoques

33 HORAS

Gestão de Manutenção

33 HORAS

Gestão de Pessoas

33 HORAS

Gestão de Serviços

33 HORAS

Gestão e Desenvolvimento de Produtos

67 HORAS

Introdução à Engenharia de Produção

33 HORAS

Laboratório de Programação I

67 HORAS

Laboratório de Programação II

67 HORAS

Laboratório de Química

33 HORAS

Logística

67 HORAS

Mecânica Geral

67 HORAS

Metodologia Científica

33 HORAS

Metrologia

67 HORAS

Métodos Numéricos

33 HORAS

Métodos Numéricos Aplicados

33 HORAS

Pesquisa Operacional I

67 HORAS

Pesquisa Operacional II

67 HORAS

Planejamento Estratégico

33 HORAS

Planejamento e Controle da Produção I

67 HORAS

Planejamento e Controle da Produção II

67 HORAS

Processos Modernos de Fabricação

67 HORAS

Projeto de Fábrica

67 HORAS

Química Geral

33 HORAS

Resistência dos Materiais I

67 HORAS

Segurança no Trabalho

33 HORAS

Simulação Empresarial

67 HORAS

Simulação de Operações e Processos

33 HORAS

Sistemas, Tempos e Métodos

33 HORAS

Trabalho de Conclusão de Curso I

150 HORAS

Trabalho de Conclusão de Curso II

150 HORAS

Tópicos Avançados em Engenharia de Produção I

33 HORAS

Tópicos Avançados em Engenharia de Produção II

67 HORAS

Tópicos Avançados em Engenharia de Produção III

67 HORAS

Tópicos Avançados em Engenharia de Produção IV

67 HORAS

Álgebra Linear

33 HORAS

Ética, Sociedade e Legislação Ambiental

33 HORAS



Docentes

Marcio de Morais Tavares
Mestre

Adilson Lima Marques
Mestre

Agata Fernandes Romero
Doutor

Aline Zanchet
Mestre

Amansleone da Silva Temoteo
Doutor

Andreia de Araujo Almeida
Mestre

Carla Homem de Mello Ceballos-Schiavone
Mestre

Daniel Alvez Zacarias
Mestre

Daniel Felipe Simião
Mestre

Enir da Silva Fonseca
Especialista

Fernando Gonzales Tavares
Mestre

Isidoro Carmo Doglio
Especialista

Jaime Barbosa Milheiro
Mestre

Jorge André silva de Paiva
Mestre

Juliane Carla Bernardi
Mestre

MARCIA CÉLIA GALINSKI
MESTRE

Marcio Sena Curvello
Mestre

RUBENS CARNEIRO ULBANERE
DOUTOR

Ruiz da Silva
Mestre

Projeto Pedagógico



Confira o conteúdo completo do Projeto Pedagógico clicando aqui

Infraestrutura



Laboratório de Informática
O LIAPE (Laboratório de Informática para Atividades de Pesquisa e Ensino) do Campus Guarujá é composto por 07 (sete) laboratórios (01B, 02B, 03B, 07B, 09B, 10B e 12B) climatizados, com projetores multimídias dedicados e caixas de sons para auxílio às aulas, totalizando 150 computadores com sistema operacional Windows e Pacote Office (destacando os produtos Word, Excel e Power Point) instalados, além de softwares específicos para atender às necessidades acadêmicas de todos os cursos, como AutoCad, Codeblocks, Dev C++, Geogebra, MS-Project, Scilab, Winplot, Visio, entre outros.

O acesso aos computadores nos laboratórios é disponibilizado aos alunos e professores mediante a autenticação individual, com login/senha previamente cadastrado no LIAPE, com acesso aos recursos descritos e também a rede mundial de computadores "Internet", para fins de pesquisas, aulas, trabalhos individual ou em grupo.

Laboratórios Específicos

O conjunto de laboratórios e espaços de aprendizagem tem o objetivo de capacitar os alunos a desenvolverem competências em Metodologias, Tecnologias de Sistemas Modernos de Manufatura para atuar em Melhoria de Materiais. Os Laboratórios propostos estão organizados de acordo com os Núcleos de Conteúdos Básicos, Profissionalizantes e Específicos das Engenharias. Nestes laboratórios os alunos podem realizar atividades práticas do curso, além de servir de suporte às atividades complementares e de pesquisa inerentes às suas especificidades. Para concentrar várias modalidades de aprendizagem prática, a Unaerp Guarujá construiu um Centro Tecnológico de Estudos das Engenharias, que fica no prédio externo anexo ao campus, onde algumas das atividades práticas dos núcleos profissionalizantes e específicos são realizadas. As atividades dos núcleos profissionalizantes e específicos são desenvolvidas nos laboratórios do núcleo básico e também no Centro Tecnológico.

Núcleo de Conteúdos Básicos

  • Laboratório de Física (Sala 27C): Práticas relacionadas aos conteúdos de sistema de medição, cinemática, dinâmica, gravitação, eletrostática, eletromagnetismo, eletrodinâmica, óptica, ondas, termodinâmica, circuitos elétricos de potência, máquinas elétricas, transformadores, dispositivos eletrônicos de proteção, eletrônica de potência.
  • Química Tecnológica (Sala 01C): Práticas relacionadas aos conteúdos de propriedades da matéria, soluções, ligações químicas, físico-química, reações químicas, eletroquímica, equilíbrio químico, estequiometria.
  • Informática (Sala 7B e Sala 09B): Práticas relacionadas à estruturação de algoritmos, lógica e linguagens de programação, editoração de texto, planilhas, banco dados, gráficos e apresentações. Práticas relacionadas à estruturação e implementação de algoritmos, em linguagem de programação, para a solução numérica de problemas de engenharia.
  • Expressão Gráfica e Auto CAD 2D e 3D (Sala 20B e Sala 07B): Práticas relacionadas com desenho à mão-livre, desenho geométrico, geometria descritiva e desenho técnico com a utilização de instrumentos de uso manual e computacional.
  • Fen
menos de Transportes (Sala 16C): Práticas relacionadas com a mecânica dos fluidos, e transferência de calor e massa que permitam compreender os fen
menos naturais subjacentes aos princípios de funcionamento dos objetos de engenharia (equipamentos, máquinas e processos).
  • Laboratório de Metodologias, Técnicas & Inovação Empresarial (Sala 18C): O local visa estimular o aluno a pensar, projetar, interagir e desenvolver na prática cada conceito apresentado de modelos como diferencial competitivo no século 21. O laboratório trabalha, ensina e inclui conceitos de empreendedorismo projetado para o aluno a aprender criar, inovar negócios para uma sociedade que se reinventa a cada fração de segundos no mundo empresarial. O curso procura motivar o comportamento de empreender do engenheiro. A educação empreendedora tem como principal objetivo criar canais mais fluentes de aplicação na oferta de bens e serviços à sociedade em diversos planos: social, tecnológico e de novos negócios, com aproveitamento de vocações institucionais e regionais. No local, são desenvolvidos Conteúdos Profissionalizantes e Específicos.

Núcleo de Conteúdo Profissionalizante
  • Processos de produção discretos e contínuos: Práticas relacionadas com processos de transformação e automação da manufatura.
  • Automação dos processos industriais: Instrumentação e controle (monitoramento dos processos: pressão, temperatura e vazão); Equipamentos automatizados (robótica, fabricação e montagem; transporte, manipulação e armazenagem).
  • Metrologia: Práticas relacionadas com a mensuração, a coleta e o tratamento de valores referentes às grandezas físicas.

Núcleo de Conteúdos Específicos
  • Engenharia de Produção: Atividades desenvolvidas nos laboratórios de informática com softwares específicos, visando atender as práticas dos seguintes conteúdos:
*Planejamento e Controle da Produção
*Pesquisa Operacional
*Logística
*Projeto de Fábrica
*Processos de Produção
*Controle Estatístico de Processos
*Análise de Investimentos
*Ergonomia
*Processo de Desenvolvimento de Produto
*Manutenção

  • Engenharia do Trabalho: Práticas relacionadas com medições físicas de avaliação de adequação biomecânica do trabalho, projeto do trabalho e de conforto ambiental, estudo de métodos e utilização de equipamentos de proteção individual e coletiva.
  • Engenharia do Produto: Práticas relacionadas com a utilização de metodologias para o desenvolvimento de novos produtos, que incluam geração do conceito, projetos estruturais e detalhados, bem como a elaboração de protótipos e/ou maquetes.
  • Engenharia de Fábrica: Práticas relacionadas ao desenvolvimento e/ou utilização de bancadas didáticas (maquetes e simulacros). Contribui para o aluno articular o que se aprende e o que se aplica nos Processos Produtivos, Gerência de Produção, Qualidade, Pesquisa Operacional, Logística e Cadeia de Suprimentos, Engenharia do Trabalho, Estratégia e Organizações e Gestão Econ
mica.
  • Engenharia da Sustentabilidade: Práticas relacionadas com o tratamento, acondicionamento e aproveitamento de efluentes e resíduos; e com os princípios de conversão e transformação de energia (química-térmica-mecânica-elétrica).

Mercado de Trabalho



O futuro engenheiro de produção estará apto a atuar nas empresas de produção de bens e serviços e também nas empresas do segmento de portos, avaliando as necessidades de operações logísticas, de transportes intermodais, de infraestrutura modal de navegação e no desenvolvimento de todo o Ciclo do Projeto e Processo da Cadeia Produtiva Industrial, desde a criação e implantação até a operação final. Esse profissional atua, sobretudo, no planejamento e na organização da produção para otimizar a produtividade e melhorar a qualidade dos produtos e serviços oferecidos, competências que garantem a empregabilidade devido à formação abrangente e multidisciplinar.

Mensalidade/Semestralidade



Sistema de pagamento da semestralidade
A Unaerp adota o sistema de créditos e sua matrícula é por disciplina para os cursos de Graduação (Bacharelados, Licenciaturas e Tecnologias). Assim, a semestralidade é calculada de acordo com a quantidade de disciplinas - e seus respectivos créditos - que o aluno cursa em cada semestre, sendo que cada disciplina corresponde a um certo número e tipo de crédito. O número de créditos de cada disciplina multiplicado pelo valor do crédito resulta no valor total da semestralidade. Esse valor total é dividido em parcelas mensais, conforme normas contratuais, resultando na mensalidade. Com esse sistema, o aluno pode optar por administrar o número de disciplinas a cursar e, consequentemente, administrar também o valor da mensalidade, de acordo com sua disponibilidade financeira, com exceção da primeira etapa do curso na qual a matrícula deve ser feita na grade completa, vedada a exclusão voluntária de créditos. Também devem ser respeitadas as orientações de pré-requisitos e seriação de conteúdos previstas no projeto pedagógico do seu curso.

Classificação e valor dos créditos
Os créditos são classificados em quatro tipos diferentes, de acordo com as especificidades da matriz curricular do curso. São os seguintes os tipos de créditos:
CT - Crédito Teórico
CP - Crédito Prático
CE - Crédito Específico
C EAD - Crédito EAD
Obs. O valor de cada tipo de crédito pode ser consultado no Setor Financeiro ou no Setor de Multiatendimento.

Pagamento
As parcelas mensais são pagas por boletos bancários e vencem no quinto dia útil de cada mês, tendo a possibilidade do desconto pontualidade se pagas até à data de seu vencimento.
Parcelas em atraso são acrescidas de juros de 1% ao mês, mais multa moratória de 2%.
Os boletos bancários para pagamento são disponibilizados aos alunos por e-mail e também estão disponíveis no link ALUNOS (portal www.unaerp.br) e no Setor Financeiro da Unaerp.

Informações
Esclarecimentos, cálculos, valores e outras informações mais completas sobre mensalidades podem ser obtidos na secretaria dos cursos, no Setor Financeiro ou no Setor de Multiatendimento.

 

Inscreva-se


Voltar